Antigo ciclista do Benfica Fábio Cera morre aos 36 anos com Covid-19

O atleta Fábio Cera, antigo ciclista do Benfica, morreu este domingo, no Brasil, aos 36 anos, por complicações devido à covid-19.

O atleta estava internado no Hospital Santa Mónica, no Brasil, devido à covid-19 e acabou por falecer. A informação foi confirmada pelo clube encarnado em comunicado.

“Neste momento de tristeza e de pesar, o Sport Lisboa e Benfica endereça sentidas condolências aos familiares e amigos do nosso ex-ciclista, que, na segunda-feira, dia 19 de julho, foi sepultado em Vila Velha, no estado do Espírito Santo”, pode lêr-se no comunicado do clube da Luz.

Fábio Cera integrou o último projeto de ciclismo do Benfica, que acabou em 2008.

Leia Também: Encontrado corpo do atleta de trail desaparecido em prova no Marco de Canaveses

Segundo o mais recente balanço da agência France-Presse, em todo o mundo, já morreram pelo menos 4 100 352 pessoas devido à covid-19.

Desde março de 2020, altura em que a pandemia teve início no país, já morreram 17 219 pessoas em Portugal, segundo a Direção-Geral da Saúde.

Partilhe com os seus amigos: