Atriz Sandra Celas desafia lei e diz que máscara não é obrigatória na rua: “Ninguém é obrigado a andar de máscara”

Atriz Sandra Celas desafia lei e diz que máscara não é obrigatória na rua: "Ninguém é obrigado a andar de máscara"

Sandra Celas, a famosa a Repórter Júlia da série ‘Inspector Max’ fez um direto para as redes sociais e saiu criticada pelas suas afirmações.

Links patrocinados

A atriz Sandra Celas está a ser severamente criticada nos últimos dias depois de ter participado na manifestação anti-confinamento que decorreu durante o fim de semana em Lisboa. A atriz Sandra Celas participou no evento que contou com a presença de mais de 3 mil pessoas este sábado.

“Na rua, ninguém é obrigado a andar de máscara”, disse a atriz, que ficou conhecida, entre outros, pelo papel de repórter na série Inspector Max. “É apenas um julgamento que algumas pessoas fazem, não tem fundamento científico, nem legal”, disse a atriz num direto para a rede social Instagram em relação ao uso de máscaras na rua.

Links patrocinados

Leia Também: Após saída da TVI, Dalila Carmo faz revelações: “Fui dispensada por estar velha”

Foram várias as personalidades públicas que se mostraram contra a argumentação e atitude da atriz, entre elas está Diogo Valsassina: “É pá génio. Que génio. Que Sandra. Que tudo. Uau. Já disse ignorante? Génio”, disse Valsassina na redes social Twitter.

Ao contrário do que Sandra Celas defende, o uso de máscaras na rua continua a ser obrigatório até julho. A lei está em vigor em Portugal desde 28 de outubro.

Partilhe com os seus amigos: