Entregou-se o homem que matou a mulher a tiro em Salvaterra de Magos

Mulher de 28 anos perdeu a vida a tira pelas mãos do ex-companheiro.

Links patrocinados

Cláudia Gomes, uma mulher de 28 anos, perdeu a vida a tiro pelo ex-companheiro, numa casa em Muge, em Salvaterra de Magos. Pedro Teixeira, o homicida de 41 anos, entregou-se durante o dia desta segunda-feira às autoridades policiais do Barreiro.

A PSP do Barreiro foi contactada para a ocorrência por volta das 20h00 deste domingo. Terá sido um conhecido de Pedro Teixeira que indicou às autoridades que este se queria entregar num determinado local. A PSP deslocou-se então a esse local e encontraram o homicida que se entregou livremente.

Links patrocinados

Cláudia Gomes terá sido baleada na cabeça. Disparo foi fatal para a mulher de 28 anos. O homem atraiu a vítima este sábado para a casa do pai que está vazia desde que ele foi para um lar. O casal, residente no Barreiro, estava separado há três meses.

Já domingo de manhã foi ouvido um barulho e um vizinho encontrou o corpo, às 15h30, com um pano que terá sido usado para abafar os disparos. A pistola terá sido furtada pelo homicida ao avô. Após o crime, o homem largou a filha da vítima, de 5 anos, na casa da avó materna, no Barreiro.

De acordo com o pai da vítima mortal, a menina assistiu ao crime. O caso está a ser investigado pela Polícia Judiciária.

Partilhe com os seus amigos: