Braga terá facilitado jogo para dar título ao Benfica

O inspetor Paulo Silva, da Autoridade Tributária, suspeita que o Braga possa ter facilitado no jogo contra o Benfica, na época de 2009/10, atribuindo 3 pontos determinantes para o título dos encarnados.

Paulo Silva é o inspetor que está a investigar os crimes de Luís Filipe Vieira. Segundo um relatório que enviou ao Ministério Público em outubro de 2021, o inspetor acredita que o Benfica poderá ter sido beneficiado na partida contra o Braga , em troca de dinheiro.

A investigação decorre no âmbito de uma denúncia anónima que denunciou a alegada ajuda do Braga ao Benfica, num encontro que terminou com uma vitória do Benfica por 1-0.

O facilitismo terá sido pago através de um acordo extrajudicial entre o Benfica e a Britalar, a empresa que construiu o Centro de Estágios do Seixal.

Leia Também: Judite Sousa desabafa nas redes sociais

O negócio de Talisca também levantou suspeitas. À chegada do brasileiro a Portugal, o empresário Bruno Macedo, dirigente do braga, recebeu apenas 400 mil euros. No entanto, na venda de Talisca para um clube chinês, numa transferência de 19,2 milhões de euros, o empresário ficou com 5,3 milhões.

Partilhe com os seus amigos: