Mãe apanha numa cilada o namorado a abusar da filha

Mãe apanha numa cilada a o namorado a abusar da filha

A mãe armou uma cilada de modo a apanhar o padrasto em ação.

Links patrocinados

Uma mãe, residente numa das ilhas do grupo central dos Açores, desconfiada de que o namorado andava a abusar sexualmente da sua filha, de apenas 11 anos, decidiu armar uma cilada.

No dia 8 de fevereiro quando regressou do trabalho, a mãe deitou-se e fingiu que estava a dormir. Não demorou até começar a ouvir barulhos e levantou-se. Encontrou o homem de 37 anos, padrasto da vítima, no quarto da menor.

Links patrocinados

O suspeito disfarçou, mas o choro convulsivo da menina confirmou o pior. A mulher ouviu da filha uma história de abusos que já durava há cerca de nove meses. O predador sexual fugiu de casa e a mãe apresentou de imediato queixa na PSP da zona.

A PJ (Polícia Judiciária) de Ponta Delgada foi informada e de imediato iniciou uma investigação. Declarações recolhidas junto da vítima, juntas à recolha de vestígios em exames médico-legais, que atestaram os abusos, consolidaram prova de pelo menos nove crimes de abusos sexuais contra o predador sexual.

A 10 de fevereiro, apenas dois dias após ter fugido, o agricultor de 37 anos foi preso nas imediações da casa onde praticou os crimes. Presente a tribunal, recolheu à cadeia.

Partilhe com os seus amigos: