Homem multado ao comer sandes no carro reage nas redes sociais

Homem multado ao comer sandes no carro reage nas redes sociais

Rúben Marques, de Vila Nova da Barquinha, contesta a atuação da polícia no dia 25, nas Lapas, Torres Novas, quando foi multado por estar a comer uma sandes no carro numa altura de recolher obrigatório.

Links patrocinados

“Trabalhar durante 3 anos seguidos sem férias, trabalhar 7 dias por semana sem um dia de folga completo, estar o dia inteiro a trabalhar e parar o carro para comer qualquer coisa e devido a estar parado dentro do carro num local deserto sem pessoas a comer e a fumar levar uma multa de 200 euros.

Apesar de ter 3 justificações de 3 entidades diferentes que justificam eu estar fora de casa, as quais o senhor PSP se recusou a ver. Espero que esse senhor PSP um dia pense no que fez e se arrependa e espero que pelo menos ele goste do trabalho que faz pois eu apesar de não ter férias nem folgas adoro aquilo que faço e deito-me todas as noites de consciência tranquila e feliz por todos os animais que passeio todos os dias, por todas as fezes e urina que limpo para lhes dar uma vida mais confortável, por todas as feridas que limpo e desinfeto e ate pelos animais que salvo da rua ou de maus tratos.

Links patrocinados

Já agora, para alem disso quando esse senhor PSP for à Fnac de Torres Novas passear e gastar o dinheiro que ganha a multar a seu belo prazer, se lembre que quem a limpa e desinfeta todos os dias sou eu, talvez ate lhe salvei a vida do horrível Covid-19 e provavelmente já salvei a vida a outras pessoas de não serem infetadas.

Com isto tudo apesar de ser um membro trabalhador, cumpridor das leis e que ajuda no combate á pandemia na desinfeção de superfícies comerciais levo com uma multa por parar o carro de cansaço por trabalho excessivo para descansar e comer. Tenho vergonha deste pais”, escreveu Rúben Marques num longo desabafo nas redes sociais.

Para as autoridades está em causa uma infração ao dever de recolhimento obrigatório.

Partilhe com os seus amigos: