Nuno Graciano não discursou por se sentir “mal” após passar a noite a beber cerveja

Nuno Graciano, candidato do Chega à Câmara Municipal de Lisboa, saiu sem discursar ou despedir-se dos militantes, após ter passado a noite a beber copos de cerveja, enquanto acompanhava os resultados eleitorais.

Nuno Graciano passou a noite de eleições como muitos portugueses: em frente à televisão, a beber cerveja. Começou a acompanhar os resultados eleitorais ao final da tarde no restaurante Pazzo, na Avenida da Liberdade, e abandonou o local por volta das 1h30, sem saber os resultados finais, sem discursar ou despedir-se dos militantes.

O púlpito montado para o discurso de final ficou inutilizado. Tudo porque Nuno Graciano se sentiu “indisposto”.

Os resultados eleitorais da região de Lisboa não agradaram ao candidato à Câmara Municipal de Lisboa, nem ao líder do partido, André Ventura, que entretanto já garantiu que não irá fazer acordo com o PSD.

Leia Também: Após 4 anos juntos, Georgina desespera por casamento com Ronaldo

“Não haverá nenhum acordo autárquico entre PSD e Chega, não haverá nenhuma plataforma de entendimento enquanto isso não acontecer a nível nacional. Nós não estamos à venda.”, garantiu André Ventura.

Partilhe com os seus amigos: