O estranho caso do padre que roubou dinheiro dos fiéis para organizar orgias e comprar droga

Padre compra droga e organiza orgias com dinheiro das esmolas

O padre Francisco Spagnesi, pároco da diocese de Prato, em Itália, foi detido pelas autoridades italianas, acusado de comprar droga e organizar orgias com o dinheiro da paróquia.

O padre terá comprado várias drogas, nomeadamente cocaína e GBL, conhecida como a “droga da violação”, com o dinheiro dos donativos dos fiéis. Para justificar a ausência do dinheiro, o pároco dizia que o dinheiro teria sido usado para ajudar as pessoas necessitadas da paróquia.

O padre acabou por ser detido depois do seu cúmplice, que trazia a droga da Holanda, ter sido apanhado no âmbito de uma investigação que as autoridades locais iniciaram em agosto.

Leia Também: Bruno de Carvalho apaixonado por Liliana Almeida, que tem namorada cá fora

As autoridades colocaram ainda escutas no telemóvel do padre, ficando assim a conhecer a sua atividade criminosa relacionada com a droga, assim como as orgias que organizava, com a participação de mais de uma dezena de pessoas, que eram recrutadas através de aplicações de encontros sexuais.

Francisco Spagnesi encontra-se agora detido em prisão domiciliária.

Partilhe com os seus amigos: