Caçado o suspeito de atear o fogo de Ourém. Já tem antecedentes pelo mesmo tipo de crime

Caçado o suspeito de atear o fogo de Ourém. Já tem antecedentes pelo mesmo tipo de crime

Suspeito de atear fogo em Ourém detido pela PJ tem antecedentes criminais pelo mesmo tipo de crime

A Polícia Judiciária conseguiu deter um homem de 45 anos, suspeito de ter ateado o fogo que lavrou nos últimos quatro dias na Freixianda, em Ourém. O suspeito tem antecedentes criminais pela prática do mesmo tipo de crime.

Links patrocinados

A informação foi avançada pela Polícia Judiciária, em comunicado. A detenção foi levada a cabo pelo Departamento de Investigação Criminal de Leiria, em colaboração com a Guarda Nacional Republicana de Ourém.

“Os factos ocorreram no dia 10 de julho de 2022, na freguesia de Freixianda e concelho de Ourém, local onde deflagraram dois focos de incêndio”, pode ler-se no comunicado. Um dos focos tem estado a lavrar no terreno com muita intensidade nos últimos quatro dias, mas esta segunda-feira já entrou em fase de resolução.

Links patrocinados

Leia Também: Queda de cavalos em procissão em Coimbra gera indignação nas redes sociais. PAN exige explicações

O suspeito foi “visto a abandonar o local dos factos e perentoriamente identificado por testemunhas, imediatamente antes do início dos focos de incêndio”.

O homem, que tem “antecedentes criminais e policiais pela prática do mesmo tipo de crimes”, foi detido e vai agora ser presente às autoridades judiciárias competentes para conhecer as medidas de coação.