Daniel Souza diz ter sido vítima de "terrorismo psicológico" durante casamento com Luciana Abreu

Daniel Souza diz ter sido vítima de “terrorismo psicológico” durante casamento com Luciana Abreu

Daniel Souza diz ter sido vítima de "terrorismo psicológico" durante casamento com Luciana Abreu

Daniel Souza, o ex-marido de Luciana Abreu que foi considerado culpado de ter praticado violência doméstica contra a atriz, deu uma entrevista a Manuel Luís Goucha, onde contou que foi vítima de “terrorismo psicológico” durante o casamento.

Links patrocinados

Esta segunda-feira, dia 11 de abril, Daniel Souza esteve à conversa com Manuel Luís Goucha e contou toda a sua versão dos factos que levaram o ex-casal a tribunal.

Manuel Luís Goucha perguntou ao guia turístico se “alguma vez agrediu a mãe das suas filhas?”, ao que Daniel Souza respondeu: “Pelo contrário, nunca. Houve discussões, é facto, mas nunca houve violência física. Se formos a falar nesse aspeto, eu é que fui vítima. Levei empurrões”, garantiu o ex-marido de Luciana Abreu, que admite ter sofrido “terrorismo psicológico durante o casamento.

Links patrocinados

Leia Também: Planeia assassinato da própria mãe para entregar casa herdada à ex-namorada

“Eu comecei a viver um terrorismo psicológico a partir do momento em que eu a confronto com as questões do dinheiro, com a questão dos rituais”, contou Daniel Souza.

Recorde-se que o ex-marido de Luciana Abreu foi considerado culpado pelo crime de violência doméstica pelo tribunal e deverá ser condenado assim que o juiz tiver na sua posse o relatório social do arguido, um documento indispensável para o tribunal definir a sanção correta.