INEM deixa estragar vacinas contra a Covid-19 e acaba por mandá-las ao lixo

INEM deita ao lixo vacinas contra a Covid-19

O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) atirou para o lixo vacinas contra a Covid-19 que dariam para 24 pessoas. As vacinas foram esquecidas no frigorifico e acabaram por se estragar.

Links patrocinados

As vacinas seriam destinadas à segunda dose dos profissionais de saúde do instituto, mas sobraram. Foram por isso guardadas no frigorífico, mas esquecidas.

Leia Também: Mulheres disfarçam-se de idosas para receber vacina do Covid-19

As vacinas em causa foram descongeladas às 07h48 de 25 de janeiro, o que obrigava a que fossem usadas até à mesma hora de 30 de janeiro, respeitando as normas das farmacêuticas que dizem que uma vacina, após descongelada, só pode estar cinco dias no frio.

Links patrocinados

Quem denunciou o caso foi o responsável pela Unidade pré-Hospitalar dos Serviços Farmacêuticos à Inspeção-Geral das Atividades em Saúde Pública (IGAS).

Partilhe com os seus amigos: